David Lewis
22 de Setembro de 2011 ⋅ Teses de filosofia

Nos mundos de David Lewis

Renato Mendes Rocha
O Realismo Modal de David Lewis: Uma Opção Pragmática, de Renato Mendes Rocha
Supervisão de Araceli Rosich Soares Velloso
Dissertação de Mestrado
Universidade Federal de Goiás, Brasil
Goiânia, 2010, 114 pp. (38 334 palavras)
Puxar

Nesta dissertação defendo o realismo modal de David Lewis, ou seja, a hipótese metafísica acerca da existência real de uma pluralidade de mundos possíveis. A defesa que apresento procura evidenciar o caráter pragmático dos argumentos a favor dessa hipótese. Nesse sentido, aproximo a filosofia de Lewis a de Quine e mostro que Lewis utiliza critérios para tomada de decisões ontológicas semelhantes aos defendidos por Quine. Esses critérios são: a simplicidade de formulação, a economia teórica e a desconfiança de critérios meramente intuitivos como guias para a filosofia. Para cumprir este objetivo, estruturei a dissertação em três capítulos. No primeiro apresento benefícios filosóficos do realismo modal de Lewis que demonstram a utilidade teórica do idioma dos mundos possíveis. O segundo capítulo divide-se em duas partes. Na primeira, traço um pano de fundo filosófico que acredita estar relacionado à filosofia de Lewis, principalmente a retomada de discussões metafísicas na filosofia analítica contemporânea. Na segunda parte apresento três teses importantes para garantir a consistência e a coerência do realismo modal de Lewis: a concretude, o isolamento e a plenitude. No terceiro capítulo discuto duas críticas ao realismo modal de Lewis: a) David Armstrong e Peter Forrest e b) Susan Haack.

Renato Mendes Rocha é natural de Anápolis, Goiás, Brasil. Obteve os graus de Bacharel (2007) e Mestre (2010) em Filosofia na Universidade Federal de Goiás. Atualmente é professor de Filosofia e Ética na Faculdade Araguaia e também no Instituto de Filosofia e Teologia Santa Cruz. Reside atualmente em Goiânia, Goiás.

Renato Mendes Rocha
Termos de utilização ⋅ Não reproduza sem citar a fonte