The Question of God
20 de Julho de 2004 ⋅ Filosofia da religião

Valioso instrumento

Luís Rodrigues
The Question of God: An Introductory Commentary and Sourcebook, de Michael Palmer
Londres: Routledge, 2001, 384 pp., £18.99
Comprar

Nas obras de introdução à filosofia da religião encontramos habitualmente um panorama dos problemas centrais da disciplina tais como a natureza da experiência e da linguagem religiosa, o problema do mal, a existência de Deus, a possibilidade de vida para além da morte, etc. The Question of God, de Michael Palmer, centra-se num único problema — a existência de Deus — expondo e debatendo de forma cientificamente segura e pedagogicamente cuidada os argumentos clássicos da tradição europeia a favor da existência de Deus. Os argumentos discutidos são seis: o argumento ontológico, o argumento cosmológico, o argumento do desígnio, o argumento baseado nos milagres, o argumento moral e o argumento pragmático (assim é designada a famosa "aposta de Pascal"). A seis argumentos correspondem seis capítulos com estrutura idêntica: análise e discussão introdutória que convoca os grandes pensadores que até ao presente debateram de forma filosoficamente relevante cada argumento; exercícios intercalados na exposição crítica e questões finais didacticamente muito úteis; fontes clássicas e bibliografia.

Seria irrealista considerá-la uma obra acessível a alunos que dão os primeiros passos no campo das ideias filosóficas mas é um valioso instrumento para professores que pretendam tornar mais estimulantes e interessantes as suas aulas sobre filosofia da religião e também consolidar os seus conhecimentos sobre o tema. Saúdo na obra de Michael Palmer duas virtudes entre outras, a saber, a possibilidade de acompanharmos o desenvolvimento histórico de um problema filosófico tomando como ponto de partida o problema e não a história da filosofia e ter dedicado uma obra introdutória de filosofia da religião ao problema porventura mais interessante e profundo desta disciplina.

Michael Palmer ensinou nas universidades de McMaster, Marburgo, Bristol e foi durante muitos anos director do Departamento de Religião e Filosofia na Manchester Grammar School. É também autor de Moral Problems, obra que se tornou uma referência nas escolas e colégios ingleses.

Luís Rodrigues
Termos de utilização ⋅ Não reproduza sem citar a fonte