[an error occurred while processing this directive] [an error occurred while processing this directive]
Teses de filosofia

Apresentação

Sara Bizarro
Internalismo e Externalismo: Um debate em filosofia da mente e da psicologia, de Sara Bizarro
Supervisão de João Branquinho
Dissertação de Mestrado
Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
Lisboa, 2000, 116 pp. (26 000 palavras)
Puxar

O internalismo e o externalismo são duas posições principais em filosofia da mente e da psicologia contemporânea. Segundo as posições internalistas os estados mentais dos indivíduos devem ser individuados recorrendo apenas a informações "internas" ao indivíduo, por exemplo, estados neuronais ou determinados estados psicológicos "individualistas". As posições externalistas defendem que os estados mentais dos indivíduos devem poder recorrer a factores externos aos indivíduos na suas caracterizações.

A dissertação está dividida em três partes. Numa primeira parte são tratadas as experiências de pensamento que estão na origem do debate contemporâneo entre internalismo e externalismo: a experiência da Terra Gémea de Putnam e a experiência da Artrite de Tyler Burge.

Numa segunda parte são tratadas quatro posições principais no debate entre o internalismo e o externalismo: o eliminativismo (Paul e Patricia Churchland); o individualismo (Jerry Fodor); o instrumentalismo (Daniel Dennet) e o Teleofuncionalismo (Ruth Millikan).

Numa terceira parte retoma-se o tema das explicações em psicologia do ponto de vista da explicação em psicologia e são analizados os vários modelos propostos pelas posições tratadas na segunda parte.

Ao longo da dissertação as posições apresentadas são avaliadas criticamente concluindo-se que até agora o modelo que melhor resiste aos desafios comummente apresentados a estas posições é o do teleofuncionalismo, mas que dado a natureza embrionária deste debate não é ainda possível decidir firmemente que direcção devem seguir as investigações sobre a natureza dos estados mentais.

Sara Bizarro nasceu em Timor Leste em 1972. É licenciada em Filosofia no ramo Filosofia e Ciência pela Faculdade de Letras da Universidade Lisboa. Foi Affiliate Student no King's College da Universidade de Londres durante a investigação para a dissertação de Mestrado. Actualmente encontra-se na Universidade de Nova Iorque como Visiting Scholar onde leva a cabo investigação para o Doutoramento sobre o tema "A influência de Hertz no Tratactus de Wittgenstein" a ser orientado pelos Profs. Allan Janik e M. S. Lourenço.

Sara Bizarro
sarabizarro@yahoo.com
[an error occurred while processing this directive] [an error occurred while processing this directive] [an error occurred while processing this directive]